Meu Metro Quadrado

Os Clássicos

28 de setembro de 2020


Priorize a utilidade e voce a perderá,
Priorize a beleza e o que você construir será útil para sempre!

Oscar Wilde.

Nos motivamos a gravar o vídeo por que conseguimos nos últimos tempos juntar uma gama de imóveis que tem uma pegada clássica. Porém, longe de nos sentirmos confortáveis para defender e até exemplificar o que é clássico na arquitetura, fomos pesquisando e pesquisando e um dos documentários que mais nos marcou foi   Why Beauty Matters – por  Sir Roger Scruton

Nos pegamos pensando o quanto a construção de algo tão perene, como as casas os prédios, as cidades, precisam assumir um responsabilidade do impacto que causam por ai. A beleza que espalham por ai.

……………………

A arquitetura clássica é sem duvida, uma das grandes criações da humanidade, não é à toa que influencia até hoje grandes obras. O estilo clássico é aquele que busca dar uma harmonia de fácil compreensão entre as partes de um projeto.

Conceitualmente, os principais elementos da arquitetura clássica são:

o equilíbrio, a simetria, a proporções; a valorização da estética (belo) e a exatidão em cada elemento arquitetônico.

E uma boa maneira de resumir as características da arquitetura clássica é recorrer às palavras de um dos seus maiores mestres: Vitrúvio. O arquiteto romano que viveu alguns anos a.C., escreveu o único texto teórico sobre o estilo clássico que foi produzido na época resumindo a três principais conceitos: utilitas (utilidade), venustas (beleza) e firmitas (solidez).

O que queremos dizer com tudo isso é, que quando optar por construir, reformar, ou até mesmo escolher um imóvel para morar, pense em elementos que resistirão bem ao tempo, elementos que continuarão belos e uteis com o passar dos anos. Não precisa necessariamente se apegar a estética clássica, mas lembre-se da perenidade do se construir, sem nem se entrar no mérito da responsabilidade ecológica.

O imóvel que ilustra o post esta a venda =)

Cobertura Bay | 4 suites | Cacupé | R$ 2.8MM

Espero que gostem!

@jucarpeggiani

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

@meumetroquadrado